TIME-OUT

As Várias Facetas

Publicado em: 24/03/2019 00:00

Por: Patricia.lima

 

Muito embora o handebol no salão seja o segmento mais praticado no século XXI, não é o único. Campo e areia são os outros dois palcos da modalidade sendo uma o passado e a outra contemporânea, porém mais recente.

 

Antes de ser jogado no salão, as disputas eram na grama, assim como no rugby, com 11 jogadores em cada equipe e um único árbitro, como no futebol. As punições também eram diferentes. Existia a expulsão para as ações antidesportivas gravíssimas e então, o árbitro sinalizava com os antebraços sobrepostos em gesto-forma de ‘x’ e a equipe terminava a partida com um jogador a menos. A desqualificação, representada pelo cartão vermelho no presente, não havia sido incluída nas regras e as exclusões eram três de 5 minutos cada com períodos regulares de tempo, 30 minutos. As nomenclaturas em súmula também apresentam distinções como os ‘tentos consignados’ que seriam os gols convertidos.

 

O Brasil teve participação nesta história. Na década de 1950, Brasil e Argentina entraram três vezes em campo, foram dois jogos em 1952, um empate por 3-3 e uma vitória dos argentinos por 7-2 e, um em 1953, com placar final de 4-4. Na época, a Confederação Argentina de Handebol completava 30 anos de fundação e disputava jogos com sua Seleção Nacional enquanto o Brasil, era representado pela Seleção Paulista, pois a Federação Paulista foi constituída em 1940.

 

Na década de 1960, como parte do programa político de estreitamento nas relações com Portugal do então presidente Juscelino Kubitschek, foram criados os Jogos Desportivos Luso-Brasileiros entre as duas nações. Portugal, Brasil e Luanda - Moçambique receberam as três edições dos Jogos: de 3 a 14 de julho de 1960, em Portugal; de 28 de julho a 10 de agosto de 1963 no Brasil e; de 14 a 29 de julho de 1966 em Moçambique e Luanda. O handebol foi umas das modalidades escolhidas e foi no segmento do campo. Ainda hoje, há lembranças de um evento no estádio do Morumbi no qual houve uma apresentação do handebol no campo já nos anos de 1980.

 

Quando o handebol no salão foi se desenvolvendo, os jogadores apropriaram-se da força em detrimento da técnica e, a tática, vigorou décadas após a vinda da modalidade para o Brasil. Algumas características do campo foram conservadas, como as regras e outras, consideradas amadoras hoje foram sendo aperfeiçoadas como as dimensões da quadra de jogo que possuía medidas variáveis e não chegavam ao padrão de 40mx20m descrito na regra. Os árbitros usavam calças compridas como no vôlei e basquete para arbitrar, tinham a assistência dos mesário, porém era o Primeiro Árbitro quem detinha a verdade da partida anotada em seus cartões de jogo.

 

Quatro anos após a criação do handebol na areia na Itália em 1992, já havia no Brasil a prática e organização de torneios no litoral do estado do Rio de Janeiro. A filosofia de jogo do Beach Handball tem como base os princípios do Fair Play que promove a prática respeitosa da modalidade e, àqueles que infringirem as regras, estarão suscetíveis às sanções de suspensão, desqualificação e exclusão. As equipes consistem em 8 jogadores sendo 4 os que entram na quadra de dimensões 27mx12m para jogar dois períodos de 10 minutos cada e intervalo de 5 minutos e vence a equipe que converter mais gols no adversário podendo ser de 1 ou 2 pontos, dependendo da maneira como ele é marcado.

 

 

 

Agrecimentos:

Em especial aos Srs. João Manoel Gomes Pereira e José Vicente Macedo, por toda a atenção e carinho em ajudar o Projeto.

 

Compartilhe:

Comentários

comentários providos por Disqus

Outros Posts


TIME-OUT

ODEPA

16/06/2019 00:00

262


TIME-OUT

ODESUR

09/06/2019 00:00

455


TIME-OUT

O Último Homem

02/06/2019 00:00

738


TIME-OUT

1958 - 2019

26/05/2019 00:00

603


TIME-OUT

Os Escolhidos

19/05/2019 00:00

1303



TIME-OUT

O Sexo Forte

05/05/2019 00:00

1142


TIME-OUT

IX. O Livro

28/04/2019 00:00

1081


TIME-OUT

As 12 Duplas

19/04/2019 00:00

1980


Apoiador

Parceiros Institucionais

Filiado A