Beach

Brasil é campeão do I Sul-Centro Americano de Beach Handball

Publicado em: 15/07/2019 00:00

Por: Patricia.lima

 

[Da Redação] As Seleções Brasileiras Feminina e Masculina de Handebol de Praia levantaram os títulos de campeãs do I Campeonato Sul-Centro Americano de Beach Handball em Maricá na tarde deste domingo, 14. Após uma campanha invicta, o Brasil não apenas se tornou o primeiro campeão Sul-Centro Americano de Praia, como também, garantiu participação no World Beach Games 2019 e no Campeonato Mundial na Itália, em 2020. Foram quatro dias de competição entre Argentina, Brasil, Chile, Paraguai, Uruguai e Equador, que entrou apenas no masculino, nas areias da Barra de Maricá-RJ.

 

As finais deste domingo foi uma reedição das finais dos Jogos Sul-Americanos de Praia em Rosário, na Argentina, mas com um resultado mais positivo para o Brasil. No feminino, as brasileiras enfrentaram as argentinas e venceram no Sul-Centro Americano, quando no Sul-Americano, acabaram ficando com a prata para as donas da casa. No masculino, os brasileiros superaram os uruguaios em ambas as competições, tanto nos Jogos Sul-Americanos quanto no Campeonato Sul-Centro Americano.

 

Esse título foi muito importante para nós. Primeiro por garantir a vaga no Mundial da Itália,  segundo por retomarmos a hegemonia continental. Conseguimos nos preparar da melhor maneira e isso refletiu na quadra. As meninas tiveram um desempenho fantástico. Acredito que estamos no caminho certo para buscarmos medalhas nos Jogos Mundiais de Praia, Campeonato Mundial e Jogos Olímpicos, que são nosso objetivos para este ciclo”, avalia Marcio Magliano, técnico da Seleção Brasileira Feminina.

 

Ingrid Frazão, do APCEF-PB, elogia a infraestrutura oferecida pela organização e Prefeitura de Maricá para a competição e fase de treinamentos. Segundo ela, foi uma competição de ótimo nível técnico e, pelo fato de estar em disputa além do título da competição, as vagas para o Mundial e para o World Beach Games, o que aumentou ainda mais a disputa da competição.

 

Sabíamos que a final seria bem disputada, mas estudamos bastante a seleção da Argentina. Entramos super concentradas e conseguimos impor nosso ritmo de jogo. Foi incrível poder mostrar nosso jogo para todos e também conseguir retribuir o carinho da torcida trazendo esse título para o Brasil”, comenta Ingrid Frazão.



Classificação Geral

 

Feminino

Brasil

Argentina

Paraguai

Uruguai

Chile

 

Masculino

Brasil

Uruguai

Argentina

Paraguai

Equador

Chile

 

Artilharia

 

Feminino

Ana Acuña [PAR] - 96 gols

Maria Garcia [URU] - 71 gols

Cynthia Piquet [BRA] - 56 gols

Alma Britez [PAR] - 49 gols

Beatriz Correias [BRA] - 48 gols

 

Masculino

Gil Pires [BRA] - 104 gols

Andres Miranda [URU] - 99 gols

Juan Rubio [CHI] - 75 gols

Lucas Mora [ARG] - 66 gols

Gonzalo Vyeira [ARG] - 65 gols

Compartilhe:

Comentários

comentários providos por Disqus

Apoiador

Parceiros Institucionais

Filiado A